O Melhor De Mário De Andrade

O Melhor De Mário De Andrade - Andrade,Mário de | Hoshan.org Temos o prazer de apresentar o livro . em PDF, TXT, FB2 ou qualquer outro formato possível em hoshan.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Andrade,Mário de
DIMENSÃO
11,41 MB
NOME DO ARQUIVO
O Melhor De Mário De Andrade.pdf
ISBN
3653853817426

DESCRIÇÃO

O melhor de Mário de Andrade: Nova antologia de contos e crônicas. Neste ano em que a Editora Nova Fronteira completa 50 anos, lançamos, a partir de junho, a coleção intitulada “O melhor de”, que homenageará grandes contistas e cronistas que fazem parte de nosso catálogo. E o estreante da vez é Mário de Andrade, ícone do movimento modernista e autor do romance Macunaíma, o herói sem nenhum caráter, de 1928. Os ingredientes são 14 contos e 14 crônicas, o tempero é variado e vem dele, do próprio Mário, do poeta que escreveu o famoso verso “Eu sou trezentos, sou trezentos-e-cincoenta”. O melhor de Mário de Andrade apresenta um panorama da obra do modernista. Aqui, estão as características mais marcantes de sua escrita: traços nítidos da crítica social e política, o viés memorialista, o experimentalismo linguístico e muitas outras.

Os ingredientes são 14 contos e 14 crônicas, o tempero é variado e vem dele, do próprio Mário, do autor que escreveu o tão celebrado Macunaíma. ‎"Comigo sucedeu uma coisa engraçada, faz uns dois meses. Passei a limpo os contos de Belazarte, levei pro impressor, combinei preço, tudo, dei ordem pra se imprimir.

Além disso, também foi um dos pioneiros da poesia moderna brasileira, e nos trouxe em seus versos muito do espírito característico da Semana Moderna de 22, difundindo no Brasil os princípios estéticos da vanguarda europeia. Milhares de livros encontrados sobre Mario andrade o melhor de mario de andrade no maior acervo de livros do Brasil. Encontre aqui obras novas, exemplares usados e semi-novos pelos melhores preços e ofertas. Mário Raul de Morais Andrade (São Paulo, 9 de outubro de 1893 — São Paulo, 25 de fevereiro de 1945) foi um poeta, romancista, musicólogo, historiador de arte, crítico e fotógrafo brasileiro.Um dos fundadores do modernismo no país, ele praticamente criou a poesia brasileira moderna com a publicação de sua Pauliceia Desvairada em 1922. O Melhor De Mário De Andrade: Contos E Crônicas.

LIVROS RELACIONADOS