Os Precedentes Judiciais e A Razoável Duração do Processo

Os Precedentes Judiciais e A Razoável Duração do Processo - Pereira,Bernardo Augusto Da Costa | Hoshan.org Leia o livro diretamente no seu navegador. Baixe o livro em formato PDF, TXT, FB2 em seu smartphone. E muito mais em hoshan.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Pereira,Bernardo Augusto Da Costa
DIMENSÃO
5,40 MB
NOME DO ARQUIVO
Os Precedentes Judiciais e A Razoável Duração do Processo.pdf
ISBN
7829773968844

DESCRIÇÃO

Este livro busca demonstrar a relevância dos precedentes judiciais para a superação da crise de tempestividade na prestação jurisdicional, pela qual passa o Judiciário brasileiro. Para tanto, as tradições do civil law e do common law são analisadas no intuito de demonstrar a aproximação que ocorre entre tais famílias jurídicas, e que não há entraves para a utilização de precedentes judiciais por países filiados à tradição romano-germânica. Estuda-se também a teoria dos precedentes judiciais, sendo defendida uma concepção hermenêutica e dialética destes institutos, além de argumentos favoráveis à sua utilização. Da mesma maneira, os elementos essenciais para uma adequada compreensão da teoria dos precedentes judiciais, além de técnicas de revogação, são alvo de análise específica. As concepções neoconstitucionalistas e neoprocessualistas que passam a afetar o Judiciário brasileiro após o advento da Constituição de 1988 são alvo de atenção, da mesma forma que os argumentos contrários à adoção dos precedentes judiciais no direito brasileiro. Em seguida, em face da ampliação das técnicas de vinculação das decisões judiciais, entendidas como parte de uma política pública em prol da razoável duração do processo, os institutos da súmula vinculante, repercussão geral e o Novo Código de Processo Civil, com foco no incidente de resolução de demandas repetitivas, são objeto de estudo detido. Por fim, com o intuito de aprofundar a qualidade da aplicação dos precedentes judiciais no direito brasileiro, estuda-se a teoria de Ronald Dworkin, com maior foco no direito como integridade. Conclui-se que os precedentes, caso bem manejados, são aptos a promover um aumento de qualidade nas decisões judicias, e também auxiliar o Judiciário a alcançar a razoável duração do processo. O presente livro é recomendado, dada sua atualidade, tanto para profissionais como para estudantes de direito, sejam de graduação, sejam de pós-graduação, e ainda aos que se preparam para concursos públicos.

Rui Barbosa ensina que o excesso de tempo na prestação jurisdicional pode tornar até mesmo injustiça: a justiça atrasada não é justiça, senão injustiça qualificada e manifesta . são assegurados a razoável duração do processo e os meios que garantam a celeridade de sua tramitação", desencadeou busca desenfreada por meios processuais que viabilizem a rapidez na solução das demandas judiciais. A introdução do princípio da duração razoável do processo não pode ser considerada Outras mudanças, implementadas pela Emenda Constitucional nº 45, introduzidas no art.

Os Precedentes Judiciais no Constitucionalismo Brasileiro Contemporâneo (2020) - Juraci Mourão Lopes Filho Precedentes vinculantes no processo civil brasileiro e a razoável duração do processo (2019) - Luís Manoel Borges do Vale Precedentes Judiciais e o Direito Processual Civil (2019) - Lucas Buril de Macêdo O Valor Vinculante dos Precedentes (2019) - Hermes Zaneti Jr. DURAÇÃO RAZOÁVEL DO PROCESSO.PRAZO DE 90 DIAS PARA REAVALIAÇÃO DA PRISÃO. ART.

LIVROS RELACIONADOS